Segredos sobre Design de Site (Parte III)

Dando prosseguimento a série “Segredos sobre Design de Site”, irei apresentar neste artigo questões sobre imagens e design de URL.

Imagens

Mesmo com a proliferação da banda larga no Brasil, a maioria dos internautas continuam com a tradicional conexão por modem. Sem falar nos congestionamentos que surgem com freqüência em alguns horários, independente da velocidade de conexão.

Por isso é bom minimizar a presença de imagens no seu website. Não só pela poluição visual que isso pode acarretar, mas pelo tempo de download dessas imagens.

Seja criterioso. Não coloque uma imagem apenas por ser uma bonita ilustração ou fotografia. Toda imagem deve ter um motivo para estar ali. Se a imagem não fizer falta, retire.

Uma solução para resolver essa questão é minimizar o número de imagens na primeira página do site. A medida que o internauta for aprofundando sua navegação, clicando em seções mais específicas, é possível adicionar mais imagens.

Um exemplo: um website de fabricante de eletrônicos. Na primeira página temos poucas imagens. Quando o usuário for para a seção de câmeras digitais é dado a opção de ver a câmera mais de perto e links para fotos do produto em alta resolução mostrando todos seus detalhes. Nesse momento é possível colocar mais fotos já que o produto interessa ao usuário e provavelmente por isso estará disposto a obter mais detalhes, esperando o download de imagens maiores do produto.

Design de URL

Se você está pensando em criar uma marca para a sua empresa, além
de checar se o nome já está registrado no INPI, você deverá verificar também se a marca já possui endereço na internet. Se tiver, preferível buscar outro nome.

Isso irá evitar dores de cabeça no futuro. A internet vem se popularizando a cada ano e ter um endereço web da sua empresa é essencial.

O formato de endereço web, quando mal feito, pode fazer com que seus clientes entrem em outros sites por uma confusão de uma única letra, por exemplo. Podemos citar o exemplo do Google. Prevendo que muitos esqueceriam a segunda letra “o” da palavra Google, eles tiveram que registrar dois endereços:

http://www.google.com e http://www.gogle.com

Tem muitas empresas aproveitadoras que ganham clientes de seus concorrentes prevendo o erro do internauta quando escreve o endereço da empresa adversária.

Para você não cair nessa, vou dar mais algumas dicas sobre design de URL:

1. Faça com que a URL seja o menor possível, pois quanto maior a url, maior será a possibilidade de se cometer erros na hora da digitação;

2. Evite, sempre que possível, palavras estrangeiras ou fora do meio comum que possam confundir o usuário;

3. Use sempre todas as letras minúsculas, na url e no diretório das seções pois alguns servidores diferenciam caixa alta de caixa baixa;

4. Em nomes compostos, prefira juntá-los ao invés de separá-los com hífen. O usuário poderá esquecer o hifen e acabar não encontrando sua página. Fica também mais fácil de pronunciá-los.

~ por Julio Cesar Milanes em agosto 2, 2007.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: